Tuesday, June 09, 2009

Em pleno vôo

Se o avião não tivesse caído, aquele último abraço não teria a menor importância.

3 comments:

Tiago F. Moralles said...

Como sempre são as últimas coisas.
Tudo como se caísse um avião por dia.

Angela said...

como a vida é relativa em suas pequeninices! muito bom, Ana.

Alejandro Ramírez said...

Muito, muito, muito bom. Mas muito triste também.

Con este cuento se resumen mil palabras.

Un beijo.